segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Sou Terra



SOU TERRA
A Terra sou eu.
Por meu intermédio a terra fala.
Sou a terra pensando.
Quando escrevo neste papel, 
Sou a terra escrevendo
Agora minha expressão dá voz a toda criação.
O caos estruturado e pensante 
do qual sou reflexo, 
pensa a terra.
Por mim a terra se move,
Por mim a terra pensa.
Por meu intermédio a terra 
Dá à luz novos seres,
Sente dor e prazer.
A minha pele possibilita
Eu ser uma no mundo.
Sou a mãe da terra.


Maelida


Nenhum comentário:

Postar um comentário